domingo, 3 de agosto de 2014

Coincidência... ou não...


A autora de Harry Potter cria um paralelismo entre as suas personagens e a sociedade burxa com a muggle. E um dos paralelismos mais evidentes é sem dúvida o de Lord Vordemort e Hitler. 

10 comentários:

  1. Respostas
    1. Mas é melhor não pensar muito, Francisco :)

      Eliminar
  2. Harry Potter é todo um mundo de paralelismos. O preconceito contra os "sangue de lama" introduzido no 2º/3º livro representa uma data de preconceitos da sociedade atual. Diz um estudo, que crianças que lêem harry potter têm uma mentalidade mais aberta e menos preconceituosa exatamente por esses paralelismos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também li essa notícia hoje ou ontem... É bem capaz. A autora sofreu, inclusivamente, maus tratos pelo marido (que até era português). Creio que isso a marcou, e de certa forma, reflete-se nos seus livros...

      PS: Bem vindo de volta, desaparecido em combate ;)

      Eliminar
  3. Meu caro, a história repete-se ciclicamente, não há volta a dar. Desde o início do mundo que é assim, logo já não há muito a inventar, pelo que se reescreve apenas por outras palavras ou noutras localizações.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E com outros protagonistas. Sem dúvida, Ribatejano. É completamente cíclico. E nós tivemos o azar de vir na fase mais tenebrosa...

      Eliminar
  4. Só se foste tu, meu caro. Eu vim na fase possível. ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Êstamos a ter esta conversa em níveis diferentes, pelos vistos! LOL

      Eliminar
  5. Ela inspirou-se em tanta coisa real: os trajes de Hogwarts são inspirados nos nossos trajes académicos; inspirou-se em Salazar na identificação do fundador dos Slytherin (de quem 'herdaram' alguns traços) e por aí a fora. Nada na saga foi por acaso. A mulher é um génio! :)

    abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Completamente! E teve um marido português que a maltratava! Bela imagem que deve ter nossa!

      Eliminar